Novidade

Hugo França cria obra de arte com tronco de quatro toneladas
Postado em 18/04/2017

Fonte: Casa Vogue

Hugo França cria obra de arte com tronco de quatro toneladas (Foto: Divulgação)

Famoso por suas obras com madeiras e outros elementos da natureza, o artista Hugo França expõe até o dia 13 de agosto, no Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo, sua mais nova obra: Um tronco para Exu. Uma referência a experiência de França na Bahia, bem como sua conexão com Exu, orixá que segundo o artista, tem imenso poder transformador.

A escultura é feita a partir do reaproveitamento da raiz de um pequi-vinagreiro com 1.200 anos de idade. Sustentada por quatro pés finos, que a fazem parecer flutuar no meio do pavilhão, a escultura, na realidade, pesa cerca de quatro toneladas.

Hugo França cria obra de arte com tronco de quatro toneladas (Foto: Divulgação)

Exibindo suas marcas, rugas, veios e buracos, o artista dá um ar imponente ao que restou da árvore típica do Sul da Bahia cuja a matéria prima é, a tempos, reverenciada por França. “Pela primeira vez, tenho a oportunidade de mostrar a monumentalidade de uma raiz milenar, com o brutalismo que lhe é peculiar, estabelecendo um diálogo poético como o arquétipo de Exu na mitologia afro-baiana”, explica Hugo.

Hugo França cria obra de arte com tronco de quatro toneladas (Foto: Divulgação)

Nascido em Porto Alegre, Hugo França morou 15 anos em Trancoso, onde descobriu a possibilidade de usar a madeira de descarte, especialmente a de pequi, e iniciou o trabalho com matérias-primas naturais, uma das grandes marcas de suas obras.

Com design que sempre prioriza as formas orgânicas, Hugo França está presente em lugares como o Instituto Cultural Inhotim, onde encontramos mais de 100 esculturas mobiliárias do artista, a maioria de dimensões gigantescas como a nova obra do MAC.

Hugo França cria obra de arte com tronco de quatro toneladas (Foto: Divulgação)

Com curadoria de Diógenes Moura e Adriana Rede, Hugo França – Um tronco para Exu terá visitação até 13 de agosto de 2017 - terça das 10 às 21, quarta a domingo das 10 às 18 horas. Segundas fechado. Entrada gratuita.